Implementando NAT com RRAS no Windows Server 2008

Publicado em:
06/10/2011

Fonte: http://www.itcentral.com.br

 

Neste artigo iremos implementar um servidor NAT (Network Address Translation) que tem a função de compartilhar uma conexão de internet com uma rede interna.

O papel de um servidor NAT é fazer a conversão dos tráfegos entre a rede interna e a rede pública, ou seja, quando uma estação da sua rede interna solicitar um ip da internet ele irá gentilmente pedir para o seu servidor NAT que irá se incumbir de fazer a conversão deste tráfego. Este recurso pode ser usado também com maquinas virtuais, para “economizar IP” em sua rede.

 

Cenário NAT:

 

 

Implementando NAT no RRAS:

Antes de tudo o Network Policy and Access Service (que a partir de agora irei me referir somente como NPAS) já deve está implementado como vimos em um artigo anterior.

 

Para a configuração do NAT o servidor deve possuir duas placas de rede, uma que irá fazer a conexão externa para a internet e outra que deverá estar conectada e configurada com a sua rede interna como no cenário acima.

 

Com o cenário em ordem você deve abrir o Server Manager, expandir o nó Role em seguida expandir o nó NPAS, então você terá acesso à configuração no RRAS (Routing and Remote Access Server).

 

Clique com o botão direito sobre RRAS e escolha a opção Configure and Enable Routing and Remote Access, em seguida inicie o Setup Wizard.

 

 

Figura 1 – Server Manager acesso ao RRAS para configuração NAT

 

O escopo deste artigo é a implementação de um servidor NAT, então inicie o wizard de configuração e escolha a opção Network address translation (NAT).

 

 

Figura 2 – Escolhendo a opção NATno RRAS Setup Wizard

 

Então você irá definir as conexões de rede, escolha a primeira opção e determine qual das placas de rede é a sua interface publica, ou seja, a sua conexão com a internet.

 

 

Figura 3 – Determinando interface pública

 

Finalize o RRAS Setup Wizard e a sua conexão NAT já está definida, agora conecte uma estação da sua rede e faça o teste!

 Se a configuração foi bem sucedida, acesso o Server Manager, expanda o nó do RRAS e poderá visualizar os pacotes trafegando na sua rede. Esta dica é muito interessante para fazer troubleshooting da sua rede também.

 

 

Figura 4 – Utilizando o snap-in Server Manager para visualizar o tráfego da rede

 

Dica:

Não se esqueça que o servidor NAT conforme o cenário exposto deve ser o gateway da sua rede. Então configurar um servidor DHCP ou definir os IPs da sua estação, insira o número IP do servidor NAT como gateway padrão.

 

Conclusão:

Neste artigo você aprendeu a implementar de forma básica um servidor NAT com Windows Server 2008 para compartilhar a internet com sua rede interna.

 

[  ]’s

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s