Comandos para administrar DNS, DHCP e AD em um Server Core 2008

 Publicado em:
11/01/2011

Por: Fábio Augusto

Olá Pessoal,

Você possui um Server Core na empresa?  Segue alguns comandos que facilitam a vida do Admin, alguns já conhecidos.

Vamos à eles:

hostname – Identifica o nome atual da máquina;
netdom renamecomputer “nomeatual” /newname “Novo nome”
shutdown –t 0 –r – Shutdown desliga a máquina. –t é o tempo de espera para desligar e –r indica que é uma reinicialização.
netsh interface ipv4 set address name=“LOCAL AREA CONNECTION” source=static address=192.168.0.1 mask=255.255.255.0 – Configura o endereço IPv4
oclist | more – Lista as roles instaladas
ocsetup DNS-Server-Core-Role – ocsetup instala uma role, DNS-Server-Core-Role indica a Role de DNS. (Case Sensitive)

Comandos de DNS:
dnscmd <nome_da_maquina> /zoneadd dominio.com.br /primary /file dominio.com.br.dns – Cria uma nova zona primária direta armazenada em arquivo de texto.
dnscmd /enumzones – Verifica as Zonas no servidor DNS.
dnscmd <nome_da_maquina> /recordadd dominio.com.br <nome_da_maquina> A 192.168.0.1 – Cria um novo registro A.
dnscmd <nome_da_maquina> /zoneadd 0.168.192.in-addr.arpa /primary /file 0.168.192.in-addr.arpa – Cria uma nova zona reversa.
dnscmd /recordadd 0.168.192.in-addr.arpa 1 PTR <nome_da_maquina>.dominio.com.br – Cria um registro PTR.
dnscmd <nome_da_maquina> /recordadd dominio.com.br dns1 CNAME <nome_da_maquina>.dominio.com.br – Cria um registro CNAME chamado dns1
dnscmd /zoneprint dominio.com.br – Verifica uma zona específica.

Comandos de DHCP:
ocsetup DHCPServerCore – Instala o serviço de DHCP Server.
netsh dhcp server 192.168.0.1 add scope 192.168.0.0 255.255.255.0 scope 1 NomedoEscopo – Cria um novo escopo DHCP.
netsh dhcp server 192.168.0.1 scope 192.168.0.0 add iprange 192.168.0.1 192.168.0.254 – Cria range de endereços para um escopo.
netsh dhcp server 192.168.0.1 scope 192.168.0.0 add excluderange 192.168.0.1 192.168.0.10 – Indica faixa de exclusão de endereços no escopo.
netsh dhcp server 192.168.0.1 scope 192.168.0.0 set state 1 – Ativa escopo DHCP.
netsh dhcp server show all – Estado do escopo DHCP.
netsh dhcp server show dnsconfig – Verifica a configuração do DNS no servidor DHCP.
netsh dhcp server delete scope 192.168.0.0 DHCPFULLFORCE – Apaga um escopo.

Comando de Active Directory:
dcpromo /unattend – DCPromo instala os binários do AD e /unattend indica que os parâmetros serão indicados neste comando.

Parâmetros de instalação do AD:
/replicaOrnewDomain:replica – Indica que é um DC adicional para domínio existente.
/replicaOrnewDomain:domain – Novo domínio em nova floresta.
/replicaOrnewDomain:child – Cria domínio filho.
/replicaOrnewDomain:tree – cria nova árvore dentro da floresta.
/replicaDomainDNSName:contoso.corp – Nome de domínio DNS.
/NewDomainDNSName:contoso.corp – Novo nome de domínio DNS.
/DomainNetBiosName:”Nome Netbios” – Nome de domínio Netbios.
/ParentDomainDNSName:”Nome DNS do domínio pai” – Para casos de novo domínio filho.
/confirmGC:yes – Confirma que GC e um Global Catalog.
/username:contoso\administrator – Nome do usuário que tem pormissão para esta instalação.
/password:* – Senha do usuário acima. * faz com que a senha seja digitada de forma protegida.
/safemodeadminpassword:Pa$$w0rd – Senha do modo de recuperação do serviço de diretório.
/useexistingaccount:attach – Indica que a conta de DC já foi pré-criada no domínio (RODC).
/DatabasePath:”caminho do NTDS.dit” – Indica local alternativo para NTDS.dit.
/LogPath:”Caminho para Logs” – Indica local alternativo para Logs.
/SysVolPath:”Caminho do SYSVOL” – Indica local alternativo para SYSVOL.
/DomainLevel:{0|2|3} – Indica nível funcional do domínio.
/ForestLevel:{<0>|2|3} – Indica nível funcional da floresta.
/SiteName:”Nome do Site” – Indica site do novo DC.

Comandos para administração do AD:
dsadd – Adciona objetos ao AD.
dsrm – Remove objetos do AD.
dsmod – Modifica objetos do AD.
dsmove – Move objetos entre OUs.
dsget – retorna atributos de objetos consultados.
dsquery – retorna objetos de acordo com atributos consultados.
Bom, é claro que existem muitos, mas muitos outros comandos. Mas com essa lista, a administração em um Server Core fica muito mais fácil.
Espero que esses comandos possam ajudar.
Até mais!

[ ] ‘s

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s